Não há dúvida de que a pandemia do novo coronavírus está afetando todos nós que vivemos em sociedade. Em qualquer parte do mundo, este tem sido, já há mais de um ano e meio, um dos principais, senão o principal, tema em conversas cotidianas, em notícias e reportagens, nas redes sociais, bem como em estudos e pesquisas recentes.

A pandemia tem impactado as pessoas, as comunidades, as empresas, os mercados financeiros, a economia global e muitos outros segmentos.

Entre os vários setores da sociedade, há um que merece nossa atenção de forma especial: a comunicação. Televisão, rádio, revistas, internet, todos esses meios de comunicação têm centrado suas abordagens nesse tema: a Covid-19 e as suas consequências na vida das pessoas. Facebook, WhatsApp, Instagram e outras redes sociais também têm o coronavírus como centro do debate.

Foi pensando nessa profusão de momentos em que as línguas do mundo precisam materializar informações, descrições, debates e protocolos sobre a COVID-19, que surgiu a ideia de produzir um material com o qual aprendizes de línguas estrangeiras pudessem conhecer vocabulário e algumas das expressões mais recorrentes nas conversas sobre o coronavírus.

A primeira versão desse livreto, intitulada Let’s speak Corona English: English booklet to talk about COVID-19, foi coordenada pela professora Ilka de Oliveira Mota, docente do Centro de Ciências da Natureza do campus Lagoa do Sino da UFSCar, e publicada em maio de 2021. Agora, em setembro de 2021, estão sendo lançadas as versões em espanhol, francês e português brasileiro. Todas encontram-se disponíveis para download gratuito no portal do InformaSUS-UFSCar.

Vale a pena destacar que as/os autores desses livretos não são profissionais da saúde e, por isso, o objetivo dos materiais não é prescrever comportamentos, mas sim colocar à disposição de aprendizes dessas línguas algum apoio linguístico-discursivo para compreenderem e se comunicarem sobre este tema.

Créditos da imagem: Stories no Freepik

Veja também:

2 thoughts on “Conversando sobre a COVID-19 em inglês, espanhol, francês e português brasileiro

  1. Lorena Martins de Abreu says:

    Assim como o InformaSUS tem parceria com a graduação de Tradução e Interpretação em LIBRAS da UFSCar para interpretação e tradução para a LIBRAS de materiais relacionados à COVID-19, poderiam ter desenvolvido um material também em Língua Brasileira de Sinais, tornando o conhecimento acessível para muitas pessoas da comunidade surda do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *