Travas da Sul é uma coletiva de organização social criada por e para pessoas LGBTQIA+ com protagonismo transvestigênere. Sua atuação se dá nos distritos de Grajaú e Parelheiros (São Paulo), mas também atendem a população LGBTQIA+ de outras regiões periféricas da cidade. Suas ações são voltadas à cultura, à saúde, ao entretenimento, à educação e à economia colaborativa na periferia.

Com início de atividades em fevereiro de 2019, a coletiva já realizou diversos saraus promovendo acesso à cultura LGBTQIA+ por meio de poesias, apresentações artísticas e performances. Também já promoveu festas com o nome “Diz Trava”, oficinas, exibição de filmes, recebeu a deputada Érica Malunguinho no calçadão do Centro Cultural Grajaú, houve participações em eventos, como lançamento da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos LGBTQIA+, em exposições e também uma edição do Sarau Travas da Sul no SESC Pompéia.

 

Conheça a coletiva: https://www.instagram.com/travasdasul/

Considerando a situação pandêmica, a população atendida pela coletiva se viu em uma situação de ainda maior vulnerabilidade, uma vez que 90% da população de mulheres trans e travestis trabalham na prostituição, com apenas 4% trabalhando formalmente. Com a necessidade do isolamento social, grande parte da população não pôde mais trabalhar, nem mesmo em trabalhos informais.
Com isso, a fim de garantir o mínimo de suporte, a ação das Travas da Sul se expandiu para além de atividades artísticas. Passaram, desde abril de 2020, a realizar ações de entrega de kits de alimentação, higiene, limpeza e de redução de danos para a população atendida, completando um total de, pelo menos, 500 cestas básicas distribuídas.

Fique por dentro das ações durante a pandemia:
Instagram: https://www.instagram.com/p/CN5UK2xn3OS/
Link abacashi: https://abacashi.com/p/ajudetravas2021

No entanto, as ações da Travas da Sul dependem da colaboração de pessoas e organizações parceiras, pois são uma organização autônoma sem recursos próprios ou fomento do Estado.

Tendo em vista que muitas empresas e parceiras pararam de fazer doações, a coletiva está realizando um segundo financiamento coletivo, com meta de arrecadar 10 mil reais para subsidiar a compra e a distribuição de cerca de 150 cestas básicas!

Para apoiar a ação, basta doar pelo link do Abacashi:
https://abacashi.com/p/ajudetravas2021

 

Se você tiver algum comentário, elogio ou denúncia sobre esta campanha, clique aqui.

 

Veja também:

Categoria: Campanhas relacionadas à COVID-19 apoiadas pelo InformaSUS-UFSCar

Envie suas dúvidas sobre COVID-19 para nós!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *