Encontros transmitidos ao vivo, turmas organizadas por aplicativos de mensagem e conversas abertas online marcam o esforço de promover a educação e solidariedade popular no contexto pandêmico.

Entre 4 de maio de 8 de junho de 2021, o projeto Universidade Emancipa em parceria com a plataforma InformaSUS da UFSCAR realizarão curso online com grandes nomes acadêmicos e das lutas sociais no Brasil. O curso de extensão de 6 encontros semanais no formato de lives é aberto, gratuito e terá certificação de 30h pela UFSCAR

“Saúde sempre foi luta, ainda mais agora!”

Inspirado nas experiências de educação popular remotas organizadas pela Universidade Emancipa em 2020, o curso propõe pensar a saúde coletiva no contexto da pandemia pelas lentes dos conflitos e lutas sociais que orientam a organização dos movimentos sociais e de pesquisadores em sua ação prática e na formação dos saberes sobre o passado e o presente da realidade brasileira e global.

Serão discutidos os seguintes temas: Lutas urbanas e periféricas pela saúde; Lutas dos povos originários, águas, campo e floresta pela saúde; Modos de viver e amar: LGBTTQIA+ em luta pela saúde; Lutas antirracistas pela saúde; Lutas feministas pela saúde; e Lutas das populações privadas de liberdade pela saúde.

O curso contará com a presença já confirmada de grandes nomes de pesquisadores/as e lideranças comunitárias tais como Débora Diniz, Amanda Palha, Mazé Morais, Luana Alves, Andréa Beatriz Silva dos Santos, Cristina Quirino, Karla Recife, Dais Rocha, Sarah Marques, Wendreo Souza, Raquel Rigotto, Daniele Elias dos Santos, Antonia Cariongo, Joanna Ziller, Rosana Batista Cordeiro e Maria Tereza dos Santos.

“É preciso revolucionar a maneira de pensar a universidade. De dentro para fora e de fora para dentro.”

Os professores universitários Daniela Mussi (UFRJ/ Universidade Emancipa) e Gustavo Nunes de Oliveira (UFSCAR /InformaSUS), organizadores do curso, destacaram a importância da confluência entre universidades, movimentos e as iniciativas de organização da educação popular como a Rede Emancipa. Um momento que permite, além disso, a aproximação e renovação de diferentes experiências universitárias. Participam do curso, além da UFRJ e UFSCAR, mais de 20 Instituições de Ensino Superior do Brasil e estrangeiras.

“Mesmo online, o diálogo no curso está garantido!”

Por ser aberto, sem restrição de vagas ou seleção prévia, a organização espera a inscrição de mais de 10 mil pessoas, repetindo as experiências de 2020 que reuniram dezenas de milhares de pessoas ao longo do ano. Todos os inscritos serão organizados em “turmas” por aplicativo de mensagem para ampliar a participação e o diálogo. Além disso, no intervalo entre as aulas do curso realizaremos uma série de Conversas Abertas, espaços interativos para discussão sobre os temas do curso e organização de iniciativas de educação popular.

SAIBA MAIS, INSCREVA-SE!

6 thoughts on “Curso aberto e gratuito sobre Saúde Coletiva e Periferias reúne movimentos sociais, educadores populares e mais de 20 universidades

  1. Ivoneth Cardoso de Albuquerque says:

    Não tenho conseguido assistir as aulas, nem os debates, já são 11:06 e hoje também não consegui entrar até agora. Por favor, me envie passo a passo. Sei que já perdi o certificado mas quero assistir as aulas, eu trabalho como psic em um abrigo de adultos moradores de rua, muito me interessa o curso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *