Em meio à pandemia e à necessidade do isolamento social, estamos vivendo mudanças drásticas em nossas rotinas e cotidianos. As famílias compostas por pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) vivem desafios para lidar com as angústias e situações advindas dessa nova realidade. Portanto, trazemos dicas preciosas da Fernanda Faria da Cunha Zoia Guerreiro, mãe do Daniel e do Davi, que tem vivido diariamente essa realidade. Fernanda compartilha conosco como a rede de cuidado e a experiência com a organização da rotina são importantes estratégias para lidar com as dificuldades impostas pelo isolamento social.

Além de oferecer informações de qualidade e orientações para contribuir com a organização da casa, família e trabalho, buscamos nas experiências cotidianas outros recursos e inspirações para conseguir lidar com esses desafios. Entretanto, lembre-se que não estamos sozinhos e nossa capacidade de solidariedade também pode ser fortalecida nesses momentos de isolamento!

Obrigada, Fernanda!

 

Versão em Libras:

 

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *