Autoria: Fernando Portela

Descrição da obra: A população periférica é a que mais sofre com a pandemia. Se tem que pegar ônibus para trabalhar, Irene pode curtir uma balada que acontece no rico Plano Piloto. Mas, com a abordagem cada vez mais autoritária, Irene é alvo fácil quando se desloca de sua quebrada.

Expressão: Literatura

Irene Socorro

 

Quebrado fora da quebrada facilita a marcação, mas Irene sonhava no
doiscincodoispontoseis. Tutistum de mistura doida, doída, com os play: lá vai
ela, a vida é agora e sem replay. Quadra e lote na conta não faz cidadão.
Muito menos cidadã no pac-man do quadrado. Caravana de favela plana vira
delivery se fantasmas dobram a esquina antes do Plano. Irene tava de
fone, não sacou o movimento. A bala não é perdida quando encontra

irene socorro

clique aqui para acessar obra completa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *