Autoria: Amaral

Vínculo acadêmico: Estudante de graduação em Filosofia – Campus São Carlos

Descrição da obra: Ela se relaciona pois retrata povos que sofreram com o colonialismo Brasileiro, expõe as belezas da cultura afro-indígena e latinas, mostrando também as dores e cicatrizes psicológicas e físicas e, ao mesmo tempo, trazendo reflexões concretas, subvertendo também a colocação que a sociedade dá a esses povos retratando-os em cores vibrantes.

Temática(s): Questões étnica-raciais/afro-brasileiras/diaspóricas e afins; Questões indígenas, relacionadas às comunidades e aos povos originários; Deficiência, saúde mental, diversidade funcional; Periferia e movimentos da quebrada, Migração, refugiados e/ou outros deslocamentos

Expressão: Artes visuais

 

Moça dos Olhos de pérola

 

 

Casa na árvore, passarinho sem lar

 

Esquadros de um ser em enquadro

 

 

rEUpresentações de um ser desfigurado

 

 

A fuga da essência entre um isolamento colono-canavial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *