Autoria: @Rimas da Carol

Expressão: Literatura

Sorria, você está vivendo

Se puder, sorria!
Isto jamais será uma ousadia
Tampouco um ato de covardia
Muito menos um sinal de heresia

Pois a genuína alegria
É como o embalo de uma linda melodia
Cintilante como um brilho que irradia

Espanta aquilo que entendia
Afasta a agrura que gera apatia
Afugenta qualquer sinal de distimia

Para alguns, muita coisa um sorriso seria
Sem dúvida, muita coisa um sorriso poderia

Mostrar caminhos que a seriedade desconhecia
Abrir as portas para o que a desconfiança nem sabia que queria

Entre duas pessoas, um sorriso sinaliza sintonia
Resplandece a mágica do encontro e da sincronia

Quem sorri dificilmente duvidaria
Que um simples sorriso pode fazer a diferença no seu dia

É como uma maquiagem natural, embeleza tua fisionomia
E ainda te torna uma excelente companhia

Um deleite para quem o próprio sorriso vivencia
Um presente para quem o recebe e por ele se contagia
E uma vez inundado por sua energia
Ao teu sorriso retribuiria
E assim, um pouco mais se aproximaria

Agora, desarmado, de algum modo te afagaria
Um carinhoso abraço cogitaria
Ou, quem sabe, na bochecha te beijaria

Por certo, alguma afeição demonstraria
E com um semblante de simpatia
Através de um olhar de empatia

Por este momento te agradeceria

E então pensaria…
Um sorriso verdadeiro, uma amizade cativaria
Um sorriso sincero, um amor conquistaria
Um sorriso espontâneo, qualquer um adoraria
Por um sorriso afável, até um desconhecido se encantaria

E então concluiria…
Sorrindo, pela vida eu me apaixonaria
E provavelmente melhor a compreenderia
Sorrir para o mundo eu deveria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *